161 13/02/2020 às 14:30 - última atualização 14/02/2020 às 08:09

Estado segue sem previsão para campanha de vacinação antirrábica

Redação Em Dia ES

Última campanha antirrábica nos municípios foi feita entre os meses de agosto a outubro de 2018
Estado segue sem previsão para campanha de vacinação antirrábica. Foto: Reprodução
Prevista para ocorrer em outubro do ano passado, a campanha de vacinação antirrábica em cães e gatos segue suspensa e ainda não tem data para ser realizada no Espírito Santo. A última mobilização nos municípios foi feita entre os meses de agosto a outubro de 2018. O problema é que o esquema de imunização de animais domésticos prevê que a dose antirrábica seja aplicada anualmente.

Por falta de repasse das doses, campanha não acontece desde o último ano. Em clínicas, dose chega a custar R$ 60.

De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), responsável pela distribuição das doses aos municípios, há uma dificuldade de abastecimento por parte do Ministério da Saúde, que, por sua vez, faz a aquisição e distribuição das vacinas para os estados. 

“A coordenação estadual de Vigilância Epidemiológica esclarece que há alguns meses recebeu comunicado do Ministério da Saúde sobre a dificuldade de abastecimento para a campanha de vacinação antirrábica em animais, prevista para outubro, em todo o país. Diante disso, a coordenação presta orientações aos municípios sobre estratégias, como ações em casos considerados de risco”, Informou a Sesa em nota à imprensa.

Essencial para o controle de uma das zoonoses mais letais em animais, cuja transmissão também pode ser feita para o homem, a vacina antirrábica chega a custar R$ 60 em clínicas veterinárias, um valor que pode pesar no bolso de donos e protetores de animais. E nos abrigos, a preocupação com a transmissão é ainda maior.

“Animais em abrigos e lares temporários precisam estar com as vacinas em dias para facilitar as adoções e diminuir o risco do vírus se multiplicar. Com o alto valor das vacinas, infelizmente nem toda população tem condições financeiras de adquirir a dose. Com isso, é importante que a campanha de vacinação comece o mais rápido possível”, comenta Lene Batista, coordenadora do Apoio Independente aos Protetores de Animais (AIPA), entidade cujos recursos são provenientes de doações e campanhas. Ela ressalta que os voluntários prezam por manter a vacina dos animais em dia, mas ainda não há verba disponível para a vacinação contra a raiva. 

Vacina somente para bloqueio de foco

O Ministério da Saúde informa que houve reprogramação de entrega das doses da vacina antirrábica canina (VARC) pelo laboratório fornecedor, por conta de suspensão na produção por 180 dias. E por isso, tem adquirido doses em quantidade suficiente para atender somente a demanda mensal dos estados para a vacinação de bloqueio de foco, que ocorre quando um animal é diagnosticado com o vírus da raiva.

“Por conta da redução do estoque nacional de VARC foi necessária a adoção de novas estratégias para distribuição de doses aos estados, baseada em análise de risco, priorizando localidades com casos confirmados de cães e gatos positivos para raiva”, afirma o Ministério, em nota. O informe ressalta que o Espírito Santo não é considerado área de risco para raiva, mas mesmo assim recebeu 30 mil doses da VARC em 2019.
 
 
 

Fique em dia

  1. 1

    1 - Nutricionista alerta para cuidados com a mistura de calor e bebida alcoólica durante o ... Nutricionista alerta para cuidados com a mistura de calor e bebida alcoólica durante o ...
  2. 2

    2 - Inscrições para residência multiprofissional em saúde coletiva começam nesta terça-feira ... Inscrições para residência multiprofissional em saúde coletiva começam nesta terça-feira ...
  3. 3

    3 - Insolação: veja os cuidados para não estragar as férias e curtir o verão! Insolação: veja os cuidados para não estragar as férias e curtir o verão!
  4. 4

    4 - Smartphone é o novo vilão da coluna Smartphone é o novo vilão da coluna
  5. 5

    5 - Verão se aproxima e cuidados com a dengue devem ser redobrados Verão se aproxima e cuidados com a dengue devem ser redobrados
  6. 6

    6 - Espírito Santo segue com apenas dois casos de sarampo confirmados Espírito Santo segue com apenas dois casos de sarampo confirmados

Enquete

Resultado

O que mais incomoda na sua saúde no dia a dia?


  • Cansaço
  • Dor de Cabeça
  • Depressão
  • Estresse
  • Outros

 
 
 
 

Filme em Cartaz

 

BOLETIM

Receba nossas notícias por e-mail.

)
Logomarca