224 22/05/2020 às 11:00

Após nova orientação, Sesa diz que uso de cloroquina contra coronavírus está em revisão

Redação Em Dia ES

Na quarta (20), Ministério da Saúde orientou uso da cloroquina em pacientes com quadro leve de Covid-19
Após nova orientação, Secretaria de Saúde do ES diz que uso de medicamento contra coronavírus está em revisão. Foto: Divulgação
A Secretaria de Saúde do Espírito Santo (Sesa) informou que o protocolo de uso da cloroquina contra a Covid-19 está em revisão por parte da equipe técnica, após nova recomendação do Ministério da Saúde (MS). Desde o início da pandemia, o protocolo praticado no estado é a utilização do medicamento apenas em pacientes graves, com indicação de internação em UTI.

OMS diz que cloroquina pode causar efeitos colaterais e não tem eficácia comprovada no tratamento da Covid-19

O uso da cloroquina em pacientes com Covid-19
A nova orientação foi publicada pelo MS na quarta-feira (20). A pedido do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), a pasta orientou o uso do remédio até em casos leves, mesmo que não haja estudos indicando a eficácia da cloroquina contra a Covid-19.

Em coletiva de imprensa virtual nesta quarta-feira (20), o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB), disse que o Estado vai adotar o protocolo recomendado por especialistas de saúde, e que essa decisão estaria nas mãos da Secretaria de Saúde.

“A Sesa vai discutir com a equipe técnica. Nós queremos que esse assunto seja com base científica, não seja um assunto político. Aquilo que as entidades dos especialistas de Saúde e médicos indicarem, nós vamos adotar. Se for recomendado adotar em alguma fase da doença, nós adotaremos. Se não for, não adotaremos. Está na responsabilidade do secretário Nesio Fernandes fazer essa discussão ouvindo todas as entidades”, disse.

Procurada, a Sesa disse que a Hidroxicloroquina é utilizada desde o início da pandemia em pacientes graves e que o protocolo adotado está em revisão por parte da equipe técnica.

“A opção do Espírito Santo é por consensos científicos – para casos graves, o que está subsidiando a análise são as recomendações da Associação de Medicina Intensiva Brasileira, da Sociedade Brasileira de Infectologia e da Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia; para os casos leves, são as recomendações da Associação Brasileira de Medicina de Família e Comunidade”, diz a nota.

Orientação do governo federal
Nesta quarta, o Ministério da Saúde emitiu uma nova orientação que libera o uso da cloroquina e da hidroxicloroquina no Sistema Único de Saúde (SUS) até para casos leves de Covid-19. Até então, o protocolo previa os remédios apenas para os casos graves.

A mudança no protocolo era um desejo do presidente Jair Bolsonaro, defensor da cloroquina no tratamento da doença causada pelo novo coronavírus. E também foi motivo de atrito entre Bolsonaro e os últimos dois ministros da Saúde, Luiz Henrique Mandetta e Nelson Teich – em menos de um mês, os dois deixaram o governo.

No novo protocolo divulgado pelo ministério, não aparece assinatura de nenhuma autoridade. O texto mantém a necessidade de o paciente autorizar o uso da medicação e de o médico decidir sobre a aplicar ou não o remédio. A cloroquina não está disponível para a população em geral.

O termo de consentimento, que deve ser assinado pelo paciente, ressalta que "não existe garantia de resultados positivos" que "não há estudos demonstrando benefícios clínicos".

O documento afirma ainda que o paciente deve saber que a cloroquina pode causar efeitos colaterais que podem levar à "disfunção grave de órgãos, ao prolongamento da internação, à incapacidade temporária ou permanente, e até ao óbito".

Em sua conta em uma rede social, o presidente Jair Bolsonaro comentou o novo protocolo. "Ainda não existe comprovação científica. Contudo, estamos em guerra: pior do que ser derrotado é a vergonha de não ter lutado”, afirmou Bolsonaro.
 
 
 

Fique em dia

  1. 1

    1 - Covid-19: Brasil passa dos 66 mil casos confirmados Covid-19: Brasil passa dos 66 mil casos confirmados
  2. 2

    2 - Covid-19 ES: 1.944 casos confirmados e 63 mortes registradas Covid-19 ES: 1.944 casos confirmados e 63 mortes registradas
  3. 3

    3 - ES bate novo recorde e registra 103 casos de coronavírus em 24 horas ES bate novo recorde e registra 103 casos de coronavírus em 24 horas
  4. 4

    4 - ES tem 9ª morte por coronavírus e número de casos confirmados sobe para 349 ES tem 9ª morte por coronavírus e número de casos confirmados sobe para 349
  5. 5

    5 - "Não é momento de arriscar", diz secretário sobre reabrir comércio no ES "Não é momento de arriscar", diz secretário sobre reabrir comércio no ES
  6. 6

    6 - Hospital Estadual Dr. Jayme Santos Neves oferece apoio psicológico às equipes da unidade Hospital Estadual Dr. Jayme Santos Neves oferece apoio psicológico às equipes da unidade

Enquete

Resultado

O que mais incomoda na sua saúde no dia a dia?


  • Cansaço
  • Dor de Cabeça
  • Depressão
  • Estresse
  • Outros

 
 
 
 

Filme em Cartaz

 

BOLETIM

Receba nossas notícias por e-mail.

)
Logomarca