449 21/09/2021 às 20:11

Ministro da CGU, Wagner Rosário ofende senadora Simone Tebet e pede desculpas no privado

Redação Em Dia ES

Ministro Wagner Rosário, chamou a senadora de "descontrolada" durante o seu depoimento na comissão da CPI da Pandemia
Ministro da CGU, Wagner Rosário ofende senadora Simone Tebet e pede desculpas no privado. Foto Roque de Sá Agência Senado
O ministro da Controladoria-Geral da União (CGU), Wagner Rosário, pediu desculpas a senadora Simone Tebet (MDB-MS) após tê-la chamado de “descontrolada” durante o seu depoimento na CPI da Pandemia nesta terça-feira (21).

“Senadora Simone Tebet. Apesar de tê-lo feito pessoalmente, reitero meus pedidos de desculpas caso minhas palavras tenham lhe ofendido. Às vezes, no calor do embate, somos agressivos inconscientemente. Estendo minhas desculpas a todas mulheres que tenham se sentido ofendidas”, disse o ministro em uma postagem nas redes sociais.

A ofensa de Rosário desencadeou uma briga durante a sessão da CPI da Pandemia. Após a senadora afirmar que a CGU “passava pano” para o governo, Rosário disse que a senadora estava “descontrolada” e deveria ter “lido todo o processo”.

Os outros senadores reagiram imediatamente. “Respeite a senadora, seu moleque”, disse Otto Alencar (PSD-BA). O vice-presidente da CPI, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), classificou como “machista” a postura de Rosário.

Após a sessão ser pausada pela briga, o relator da comissão, o senador Renan Calheiros (MDB-AL), informou que Rosário passou para a condição de investigado pela CPI. 

Após o encerramento da sessão, Tebet afirmou que o caso já era “página virada“. O senador Marcos Rogério, defensor do governo na comissão, disse que Rosário foi “provocado”, mas sua resposta foi “fora do tom”.

Na sessão, Rosário foi questionado sobre uma possível omissão da CGU na fiscalização da compra da vacina indiana Covaxin pelo Ministério da Saúde. O ministro negou qualquer irregularidade na sua atuação ou do ministério.

*Com informações de Doulgas Porto e da Agência Senado
 
 
 

Fique em dia

  1. 1

    1 - Julio de Castilhos assume comando do Ministério Público Eleitoral no ES Julio de Castilhos assume comando do Ministério Público Eleitoral no ES
  2. 2

    2 - TSE planeja regra para ‘secar’ receita de canais com conteúdo político na internet TSE planeja regra para ‘secar’ receita de canais com conteúdo político na internet
  3. 3

    3 - Eugênio Ricas é o novo superintendente da Polícia Federal no ES Eugênio Ricas é o novo superintendente da Polícia Federal no ES
  4. 4

    4 - Eduardo Leite, governador do RS, revela ser homossexual em entrevista Eduardo Leite, governador do RS, revela ser homossexual em entrevista
  5. 5

    5 - Marcos do Val empurra Luis Miranda e senadores separam. Veja vídeo Marcos do Val empurra Luis Miranda e senadores separam. Veja vídeo
  6. 6

    6 - Givaldo Vieira oficializará ida para o PSB em ato com Casagrande em Brasília Givaldo Vieira oficializará ida para o PSB em ato com Casagrande em Brasília

Enquete

Resultado

Você acompanha as ações dos eleitos nas eleições de 2020?


  • Sim
  • Não

 
 
 
 

Filme em Cartaz

 

BOLETIM

Receba nossas notícias por e-mail.

)
Logomarca