284 17/11/2021 às 09:00

Enem 2021 tem escândalos de censura e assédio; entenda a crise atual

Redação Em Dia ES

Pelo menos 29 funcionários do Inep pediram exoneração ou dispensa do cargo em comissão ou função comissionada. Eles alegam falta de condições de trabalho e suposta interferência no órgão; Ministro nega interferência
Enem 2021 tem escândalos de censura e assédio; entenda a crise atual. Foto: © Cleia Viana/Câmara dos Deputados/Direitos Reservados
Na última semana, há poucos dias do Enem 2021, marcado para acontecer em 21 e 28 de novembro, rolou uma demissão em massa no Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, conhecido como Inep, que coordena o exame. 37 servidores públicos deixaram seus cargos alegando assédio moral de Danilo Dupas, atual presidente do órgão, e outras polêmicas, como tentativas de interferência no conteúdo das provas, despreparo por parte do líder, desmonte nas diretorias, sobrecarga de trabalho e funções, e desconsideração dos aspectos técnicos para a tomada de decisão.

Como era de se esperar, Dupas negou todas as acusações e afirmou categoricamente que o Enem continua garantido: "Aproveito esta oportunidade para tranquilizar os estudantes brasileiros", falou. Tranquilizar talvez não tenha sido a melhor escolha de palavra, uma vez que os escândalos envolvendo uma das principais portas de entrada para faculdades brasileiras vêm se tornando cada vez mais frequentes. Teria o Enem virado bagunça?

Não é o que defende Maria Inês Fini, ex-presidente do órgão. Em entrevista a CNN, ela disse que "o Inep se aprimorou nesses últimos 30 anos, tanto nas estatísticas, como na avaliação, de maneira essencialmente técnica. Liderar essas equipes pressupõe um envolvimento de conhecimento", apontando uma possível falha de administração, mas não de credibilidade. Maria Inês, contudo, foi categórica ao afirmar que a crise atual precisa ser resolvida às pressas.

Ministro nega interferência
O ministro da Educação, Milton Ribeiro, negou ontem (16) qualquer interferência política na elaboração do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que será aplicado nos dias 21 e 28 deste mês em todo o país. 

Após reunião com o ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, para tratar da segurança da aplicação das provas, Ribeiro disse que não teve acesso ao conteúdo do exame. 

“Zero de interferência. Essas provas já estão impressas a meses. Existe um banco de questões elaboradas pela equipe de técnicos. Nem eu, nem o presidente do Inep, muito menos o presidente da República, que, a rigor, nós três somos autoridades, poderíamos até ter acesso às provas, nenhum de nós teve acesso, nenhum de nós escolheu pergunta alguma ou determinou. Se vocês perguntarem hoje qual é o tema da redação, eu vou ficar devendo para vocês”, afirmou. 

Sobre as exonerações no Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão responsável pelo exame, o ministro disse que estão relacionada com questões administrativas e não com as provas do Enem. 

"Entra um grupo, que é um grupo de funcionários dentre um colegiado de bons funcionários públicos do Inep, e que tiveram lá uma discussão a respeito de uma gratificação a mais. Essa é a questão. Isso é um assunto que é administrativo, não tem nada a ver com prova de Enem. Então, a gente vê toda essa discussão às vésperas do Enem, nada com educação, nada com as provas, tudo a ver com a questão administrativa de pagamento ou não de gratificação”, disse. 
 
 
 

Fique em dia

  1. 1

    1 - Enem No Em Dia: Confira as dicas para o segundo dia do exame Enem No Em Dia: Confira as dicas para o segundo dia do exame
  2. 2

    2 - Enem No Em Dia: Confira as dicas para o primeiro dia do exame Enem No Em Dia: Confira as dicas para o primeiro dia do exame
  3. 3

    3 - Reabertas inscrições para 16ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas Reabertas inscrições para 16ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas
  4. 4

    4 - Médica ensina pais a distinguir se a escola está protegendo as crianças da Covid-19 Médica ensina pais a distinguir se a escola está protegendo as crianças da Covid-19
  5. 5

    5 - Ano letivo da Faceli começa na próxima segunda-feira (8) Ano letivo da Faceli começa na próxima segunda-feira (8)
  6. 6

    6 - Coluna | Dicas para o primeiro dia de Enem Coluna | Dicas para o primeiro dia de Enem

Enquete

Resultado

Você sabe diferenciar uma fake news?


  • Sim
  • Não

 
 
 
 

Filme em Cartaz

 

BOLETIM

Receba nossas notícias por e-mail.

)
Logomarca