1003 19/07/2020 às 09:00 - última atualização 22/08/2020 às 12:33

Coluna | Blank: “Um afago que ofereço aos leitores.”

Por Joacles Costa

Redação Em Dia ES

O livro mais recente do escritor Sérgio Luiz Blank, chama-se Blue Sutil e é uma edição “caseira”
Coluna Blank: Um afago que ofereço aos leitores. Foto: Divulgação
Saudações Renovadas

O livro mais recente do escritor Sérgio Luiz Blank, chama-se Blue Sutil e é uma edição “caseira”. Esse é o termo que o autor utiliza. “Um afago que ofereço aos leitores. Receita de bolo e biscoitos para uma tarde nublada”, acrescenta o literato.

O material traz poemas em prosa, com anotações breves e suaves. Recortes de memórias afetivas. Reunião de escritos feitos nos últimos dois anos, compartilhados com amigos nas redes sociais. O poeta tem textos avulsos publicados nas revistas Cuca, Letra, Você, e em outros periódicos.

Sérgio Luiz Blank nasceu em 07 de abril de 1964 em Vitória, capital no estado do Espírito Santo. O poeta ocupa a cadeira número 9 da Academia Espírito-santense de Letras. Adquiriu o hábito de leitura ao frequentar a biblioteca da escola na infância.

Entrevista com Blank

Jocles Costa: O que você costumava ler quando criança?
Sérgio Blank: O mundo de Monteiro Lobato, Machado de Assis e Cecília Meireles me seduziu. 

JC: Em que momento da vida você começou a escrever?
SB: Depois da leitura dos autores citados anteriormente. Logo em seguida veio a necessidade da escrita como referência. Os livros trouxeram uma nova forma de olhar a vida ao redor. Uma outra maneira de respirar. 

JC: Com o avanço da internet, você acredita que as pessoas continuam lendo livros físicos ou em versão online? 
SB: Estamos vivenciando o paradigma da existência de escritores sendo publicados com facilidade e a ausência de leitura como prática cotidiana. Acredito na força dos projetos de estímulo à leitura. É preciso incentivar a formação de leitores. 

JC: Você tem quantos livros publicados?
SB: Tenho 6 livros de poesia e 1 para crianças.  

JC:  O que Blue Sutil traz de especial para os leitores? 
SB: Editei o livro no ano passado, 2019 - de forma quase que artesanal - o livro de prosa poética. A obra celebrou meus 35 anos de literatura. Blue Sutil traz textos que oferecem pequenos esboços de memórias afetivas e afetuosas. A primeira edição já está esgotada.  Aguardando suavizar o momento crítico atual para produzir a segunda tiragem. A nova edição será em parceria com o fotógrafo Vitor Nogueira e publicada pela editora Cousa.

Blue Sutil
Aprecio as pessoas esquisitas. 
Meus amigos são os estranhos, os tortos, os bastardos, os estrangeiros descalços - clandestinos na nau do dia-a-dia. 
Aqueles que amam sem ser amados. 
Gente que troca festas por livros e colecionam silêncios e nuvens. 
E olham nos olhos. 
Espalham poemas no assoalho promovendo tombos. 
Vivem de brisa e acordam vizinhos com risos. 
Aprecio as pessoas esquisitas.

Sérgio Blank faz parte da grande safra produtora literária capixaba.

Livro: Blue Sutil
Autor: Sérgio Blank 
Ano: 1ª edição - 2019   
Páginas: 68   
Preço: R$ 30,00 (edição esgotada)  
Editora: Edição do autor 
Onde Comprar: blanksergio@gmail.com 



Leitura Em Dia:
O que você está lendo? “Estou lendo o romance Winesburg, Ohio – Sherwood Andesron

Revisão de Texto: Max Maciel Pereira Reis

Essa foi a última entrevista concedida pelo escritor e poeta Sérgio Blank, que é “Um afago que ofereço aos leitores” e cinco dias após a sua publicação, o escritor morre no dia 23 de julho de 2020 aos 56 anos. Veja a homenagem do EmDiaES para esse grande escritor.
O artigo publicado é de inteira responsabilidade exclusiva de seu autor e não representam as idéias ou opiniões do site EMDIAES.
 
 
 

Fique em dia

  1. 1

    1 - Enem no EmDiaES | Tudo que você precisa saber para o Enem Enem no EmDiaES | Tudo que você precisa saber para o Enem
  2. 2

    2 - Secult divulga resultado da segunda etapa do Edital Emergencial da Cultura Secult divulga resultado da segunda etapa do Edital Emergencial da Cultura
  3. 3

    3 - Coluna: Bumba | “O livro é considerando o melhor amigo do homem, razão pela qual é ... Coluna: Bumba | “O livro é considerando o melhor amigo do homem, razão pela qual é ...
  4. 4

    4 - Coluna: Kiusam | “A minha pele preta não me define, o racista não me define, as lutas não ... Coluna: Kiusam | “A minha pele preta não me define, o racista não me define, as lutas não ...
  5. 5

    5 - Trabalhadores da cultura já podem se cadastrar para auxílio emergencial da Lei Aldir Blanc Trabalhadores da cultura já podem se cadastrar para auxílio emergencial da Lei Aldir Blanc
  6. 6

    6 - Coluna: Mattos | “A literatura e a arte de escrever são as formas mais acessível que ... Coluna: Mattos | “A literatura e a arte de escrever são as formas mais acessível que ...
 
 
 
 

Filme em Cartaz

 

BOLETIM

Receba nossas notícias por e-mail.

)
Logomarca