1505 08/04/2020 às 12:03 - última atualização 28/01/2021 às 11:57

Coluna: Mulher, não! Não é brincadeira

Rachel Poubel

Redação Em Dia ES

Bullying mulher
Não, não é brincadeira. Quando um homem diz que mulher casada não pode sair de casa para encontrar amigos, não, não é brincadeira. Quando ele reclama da saia que está curta demais e que outros homens vão desejá-la por causa disso, isso está bem longe de ser brincadeira.

Não merece risadinha, muito menos reforço. Não é brincadeira quando seu namorado fala depreciativamente do estilo de cabelo que você escolheu para si. Não, não é brincadeira quando ele fala mal de você, na sua frente, para tirar risos dos amigos. Nunca será brincadeira quando ele lhe exige uma tarefa doméstica que ele se recusa a fazer, por se achar inadequado.

Jamais será brincadeira quando soltam uma piada de mulher no trânsito, ou quando ouvem um comentário feminino sobre futebol e riem. Nunca será brincadeira quando, casados, eles veem uma outra mulher bonita na rua e descaradamente se oferecem para ela. Não, não é brincadeira quando buscam se auto afirmar na frente dos amigos falando de uma colega de trabalho ou da vizinha da rua.

Não, mulher, não é brincadeira quando sua sogra reclama exclusivamente com você por não estar cozinhando correto para seu marido, ou que a casa está suja quando ela chega. Não é brincadeira quando o filho pequeno chora e a única coisa que você ouve do outro lado da cama é uma resmungão fingindo que dorme, sem se prontificar a levantar.

Não, nunca será brincadeira quando um homem insinua que a mulher apanha porque ela procurou, pela roupa que usou ou pelo local que andou.

Não é brincadeira quando o estupro é visto, antes de tudo, como culpa da mulher; a violência doméstica é culpa da mulher; o xingamento contra mulher é visto como normal e ela, apenas muito sensível; a discriminação é vista como coisa da sua cabeça, com síndrome de perseguição.

Nunca será brincadeira a mulher ser impedida de sair de casa porque o marido não deixou, não poder ter amigos porque o marido não quer, não poder se vestir como desejar porque o marido não gosta, não escolher o estilo que quiser porque o marido reclama.

Não é brincadeira receber a exigência de um homem para estar sempre magra, receber indiretas – ou até diretas – que está feia, que é burra, que não serve para nada e que não faz nada direito.

Nunca será apenas brincadeira. E se alguma vez você ouvir de um homem publicamente uma atrocidade contra mulher e este homem disser que é apenas brincadeira, saiba que ali não existe um palhaço, mas sim um criminoso.

RACHEL POUBEL
Terapeuta para Mulheres e Organizadora do Movimento Mulher de Identidade.
 
 
 

Fique em dia

  1. 1

    1 - Espírito Santo perdeu uma de suas maiores lideranças evangélicas Espírito Santo perdeu uma de suas maiores lideranças evangélicas
  2. 2

    2 - Corpos das vítimas do acidente que matou Marília Mendonça são liberados pelo IML Corpos das vítimas do acidente que matou Marília Mendonça são liberados pelo IML
  3. 3

    3 - Bandes participa de live com empresários de Colatina nesta quinta-feira (04) Bandes participa de live com empresários de Colatina nesta quinta-feira (04)
  4. 4

    4 - Live Em Dia ES: Eleição de advogados para vaga de desembargador do Tribunal de Justiça do ... Live Em Dia ES: Eleição de advogados para vaga de desembargador do Tribunal de Justiça do ...
  5. 5

    5 - Dia de Finados sem missas nos cemitérios de Linhares Dia de Finados sem missas nos cemitérios de Linhares
  6. 6

    6 - Governador Casagrande entrega 94 novas viaturas à Polícia Militar Governador Casagrande entrega 94 novas viaturas à Polícia Militar

Enquete

Resultado

Você sabe diferenciar uma fake news?


  • Sim
  • Não

 
 
 
 

Filme em Cartaz

 

BOLETIM

Receba nossas notícias por e-mail.

)
Logomarca